Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Incursões

Instância de Retemperação.

Incursões

Instância de Retemperação.

22
Abr11

As listas do PS

José Carlos Pereira

São já conhecidas as listas que o PS apresentará às próximas eleições legislativas e a primeira avaliação é positiva. Estão presentes nomes representativos da história do PS e dos governos de Sócrates e Guterres, destacando-se o regresso à primeira linha do anterior secretário-geral, Ferro Rodrigues, num sinal de união e de afirmação das várias correntes do partido, que também comporta uma significativa renovação com novos quadros que emergem na estrutura do PS, como são os casos de Fernando Medina e Pedro Marques, secretários de Estado, cabeças de lista em Viana do Castelo e Portalegre, respectivamente, e recém-eleitos para o secretariado nacional.

Naturalmente saltam à vista as ausências dos dois ministros de Estado, Teixeira dos Santos e Luís Amado, o que pode ser um sinal de menor comprometimento com as actuais opções do PS, o que nada tem de extraordinário, mas a verdade é que o parlamento não é o único local onde podem dar o seu contributo. Luís Amado, aliás, acabou de ser eleito para a Comissão Nacional do PS e o gabinete de Sócrates desmentiu hoje qualquer mal estar com Teixeira dos Santos.

As listas dos círculos eleitorais mais a Norte repetem os cabeças de lista em Bragança (Mota Andrade), em Vila Real (Pedro Silva Pereira) e em Braga (António José Seguro). Em Viana avança o já referido Fernando Medina e no Porto Francisco Assis assume a liderança da lista depois de um muito bom desempenho como presidente do Grupo Parlamentar. Neste momento, é a escolha certa. Sucedi-lhe em 2005 na candidatura à Assembleia Municipal de Marco de Canaveses e as conversas que tivemos nesse período permitiram-me confirmar as suas muitas qualidades.

A lista do Porto, para além de ter uns nomes estranhos ao distrito, o que é um mal transversal aos maiores partidos e uma consequência directa do nosso sistema eleitoral, ganharia, em meu entender, se não contasse com a deputada Ana Paula Vitorino. Depois das promessas que fez às populações do Baixo Tâmega, enquanto secretária de Estado, sobre a reabertura da linha do Tâmega e a requalificação da linha do Douro até Marco de Canaveses, numa altura em que essas promessas eram já inverosímeis, Ana Paula Vitorino faria melhor em candidatar-se por outro círculo. Assim, se aparecer por aquelas bandas em campanha, ajudará a perder uns votos...

11 comentários

Comentar post