Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Incursões

Instância de Retemperação.

Incursões

Instância de Retemperação.

15
Jun05

Metro do Porto financia autarquias

José Carlos Pereira
As notícias de hoje dão conta de um processo rocambolesco e que revela alguma promiscuidade entre a Empresa do Metro do Porto e as autarquias do Porto e de Matosinhos, cujos presidentes da Câmara são também administradores do Metro.
Com efeito, o Metro do Porto está neste momento a suportar custos de obras desenvolvidas por essas autarquias na chamada zona de canal da Linha Laranja, no valor de quase dez milhões de euros. Isso mesmo foi reconhecido pelo presidente da Comissão Executiva do Metro em sessão da Assembleia Municipal do Porto. Acontece que esta linha, que ligaria a Rotunda da Boavista ao centro de Matosinhos, não está aprovada e não se prevê que o venha a ser, pelo menos nos tempos mais próximos. Logo, não faz qualquer sentido que o Metro esteja a assumir custos relativos a uma obra que não sabe se vai realizar-se.
Fica assim evidente que se trata de uma manobra de alguns “chicos-espertos” que pretendem pressionar o Governo com o argumento da obra já realizada e do facto consumado, ao mesmo tempo que se dá cobertura a uma desorçamentação nas contas municipais de custos que deveriam ser suportados pelas autarquias. Tudo isto em ano de eleições autárquicas.
Espera-se agora que o accionista Estado faça valer a sua posição, chamando à responsabilidade quem tomou essas decisões e não se deixando enredar nos interesses eleitoralistas de alguns autarcas, sejam eles de que partidos forem.
Ah! Recorde-se que a obra em curso também vem a propósito, e dá um grande “jeitaço”, para o grande prémio dos calhambeques!

2 comentários

Comentar post