Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Incursões

Instância de Retemperação.

Incursões

Instância de Retemperação.

A grande golpada – O Governo técnico

O meu olhar, 18.11.15

cavaco_costa_loureiro_2.jpg

 

Cavaco passeia-se pela Madeira, ouve todos e mais alguns, faz declarações partidárias, ri-se (sabe-se lá de quê) e prepara-se para nos servir, frio, um governo a que vai chamar de “técnico”. As Associações patronais que “visitaram” Cavaco deixaram escapar para a comunicação social a hipótese, apontada por Cavaco, de um Governo de iniciativa presidencial. Ninguém ligou, de absurda que era essa ideia. Mas a Cavaco nada interessa. No alto do poder que lhe resta e vestido de um manto de vingança e prepotência, prepara-se para anunciar pomposamente ao país a sua decisão: um governo "técnico", escolhido por si. E vai justificar com a sua veia partidária (não tem outra): tudo é preferível a um Governo do PS. E vai aproveitar para continuar a fazer, mais uma vez, campanha a favor do PSD.

E a Assembleia da República? Bem, a maioria vai rejeitar esse governo.

E Cavaco o que faz? Cavaco, numa atitude de “quero, posso e mando” coloca o governo chumbado em gestão…”técnica”.

E Marcelo? Diz que se ganhar fará o que for mais “oportuno” na altura. Ou seja; votem em mim que depois terão a oportunidade de saber o que farei…

 

E o país? O país votou uma maioria parlamentar que apoia um governo que Cavaco bloqueia, degradando assim a situação económica, política e social do país. A troco de quê? Em benefício de quem?